Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Deputado desfralda bandeira do Daesh no parlamento da Madeira perante Marcelo

  • 333

José Manuel Coelho justifica ação na sessão solene como alerta contra os fundamentalistas dos tribunais

Marta Caires

Jornalista

O polémico deputado do PTP desfraldou a bandeira preta e branca do Daesh durante a sessão solene do Dia da Região na Assembleia Legislativa da Madeira. Perante Marcelo Rebelo de Sousa, que se associou às celebrações dos 40 anos da autonomia regional, José Manuel Coelho explicou o gesto como um protesto contra os jihadistas dos tribunais, os fundamentalistas que o "perseguem como se fosse um malfeitor".

Os processos que tem nos tribunais são, na sua versão, uma forma de calar a denúncia que faz. Por isso tem o salário penhorado, tal como os antigos companheiros do extinto jornal satírico Garajau.

Embora se afirme como vítima da Justiça, José Manuel Coelho não tem dúvidas que Portugal chegou a esta crise porque os tribunais, as instituições que deviam fiscalizar a actuação dos políticos "assobiaram para o lado". Na Madeira a situação foi ainda mais grave porque, segundo diz, os juízes e os magistrados do Ministério Público estão capturados pelo poder regional.