Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

CDS-PP diz que demissão era “inevitável”

  • 333

O deputado António Carlos Monteiro qualificou como “lamentavel“ o episódio protagonizado pelo ministro da Cultura demissionário

O CDS-PP considerou a demissão do ministro da Cultura, “inevitável”, reiterando que João Soares protagonizou um episódio “lamentável” ao ameaçar dar “umas bofetadas salutares” a dois críticos.

“Como ontem [quinta-feira] dissemos considerámos este episódio lamentável e que não deveria ter acontecido. E, por isso, parece-nos esta demissão do doutor João Soares inevitável, sobretudo depois das declarações do doutor António Costa”, afirmou o deputado do CDS-PP António Carlos Monteiro, em declarações aos jornalistas no parlamento.