Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

PSD diz que recurso do Estado sobre contratos swap “faz sentido”

  • 333

O vice-presidente do grupo parlamentar do PSD Sérgio Azevedo considera "normal" o recurso do Estado português da decisão desfavorável de um tribunal inglês sobre contratos "swap" (permuta do risco de dívidas) com o banco Santander Totta.

"Registamos essa atitude por parte do Governo. É uma decisão, um mecanismo normal para quem perde e pretende recorrer de uma decisão desfavorável e faz sentido", afirmou no parlamento relativamente às notícias veiculadas sobre a intenção do executivo socialista em relação à ação que corre no tribunal de comércio de Londres.

Em causa estão contratos celebrados no tempo da governação do socialista José Sócrates entre aquela instituição bancária e empresas públicas como o Metropolitano de Lisboa, Carris, Metro do Porto e STCP, com um valor financeiro global de 1,8 mil milhões de euros.

A decisão de denunciar tais contratos, originando a queixa do Santander Totta junto da autoridade judicial britânica, já foi tomada pelo Governo PSD/CDS-PP, liderado por Passos Coelho.