Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Nuno Magalhães diz que Orçamento assenta numa “fezada”

  • 333

Luís Barra

Líder parlamentar do CDS considera que o esboço orçamental para este ano é irrealista e que o Governo vai levar o país a “estampar-se”

Nuno Magalhães defendeu que o esboço do Orçamento do Estado para 2016 parte de bases “não credíveis e não exequíveis”, colocando em causa a credibilidade do país.

“O senhor estampou-se e o que é mais grave é que vai levar também o país a estampar-se. Isso é que nos preocupa”, afirmou o líder parlamentar dos centristas.

Para Nuno Magalhães, a ideia transmitida pela consultora Deloitte é correta - o draft do OE 2016 assenta numa “fezada” e não em bases realistas.

O deputado do CDS deixou ainda duas perguntas ao primeiro-ministro:“Quantos cêntimos vai aumentar por via de imposto por cada litro de gasóleo e de gasolina?”. E se o esboço do OE não for aceite: Há um plano alternativo?

O Executivo, querendo “acelerar corre o risco de pôr o país a ir contra um muro”, rematou.