Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

PCP em convergência com o PS para mudar políticas

  • 333

Marcos Borga

“A direita não deve desvalorizar a convergência alcançada à esquerda”, avisa o líder parlamentar do PCP

O líder parlamentar do PCP demarcou-se esta quinta-feira do programa do PS, reafirmando que não se trata do programa que os comunistas desejavam. Mas garantiu que o seu partido “contribuirá para mudança de políticas, em convergência com PS”.

“A direita não deve desvalorizar a convergência alcançada à esquerda”, disse João Oliveira numa intervenção no Parlamento, no segundo dia de debate do programa do XXI Governo constitucional.

Para este deputado, PSD e CDS consideram ter um “direito divino a governar” mas nas últimas eleições obtiveram uma “pesada derrota”. “Os dois não podem mais do que quatro”, acrescentou numa alusão ao inédito acordo de incidência parlamentar alcançado à esquerda.

“700 mil portugueses deixaram de votar em CDS e PSD porque queriam livrar-se deles e é com isso que devem conformar-se”, disse ainda João Oliveira. “Procuram concentrar as atenções mediáticas em questões secundárias que vão durar tanto como a promessa de devolução da sobretaxa [do IRS]”, acrescentou.