Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Ministro do Ensino Superior e da Ciência: o regresso do “discípulo” de Gago

  • 333

Manuel Heitor, professor catedrático do Instituto Superior Técnico, esteve entre 2005 e 2011 no Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior. Tem sido uma das vozes críticas da atual política de financiamento da ciência

Ana Baião

Com o regresso do PS ao Governo, volta também a divisão entre Educação e Ensino Superior, que passa a ter um ministério próprio, ao lado da Ciência. E quem também está de regresso a funções governativas é Manuel Heitor, 57 anos, que conhece de perto o sector.

Durante seis anos, nos dois governos de Sócrates, foi secretário de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do ex-ministro Mariano Gago, entretanto falecido. O currículo é extenso – licenciou-se em Engenharia Mecânica no Técnico, doutorou-se no Imperial College (Reino Unido), foi professor visitante em Harvard (EUA) e regressou ao Técnico, onde é professor catedrático e director do Centro de Estudos, Inovação, Tecnologia e Políticas de Desenvolvimento, In+.

Enquanto esteve no Governo, acompanhou de perto a reforma do ensino superior e a abertura das instituições portuguesas a parcerias internacionais. Mais recentemente, assumiu-se como uma das vozes mais críticas da atual política de financiamento à ciência.