Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Freitas do Amaral: “Presidente deve aceitar o Governo do PS”

  • 333

Rui Ochôa

Cofundador do CDS, antigo ministro de José Sócrates e apoiante de António Costa, defende em artigo de opinião na revista “Visão” que Cavaco Silva “deve aceitar o Governo do PS nos termos que lhe são propostos”

“Demitido pela Assembleia da República o Governo da maior força política, e assinados, pelo segundo partido mais votado, os acordos que se conhecem com os restantes partidos da esquerda parlamentar, o Presidente deve aceitar o Governo do PS nos termos que lhe são propostos”, escreve esta quinta-feira Diogo Freitas do Amaral na habitual coluna de opinião publicada na revista “Visão”.

Para Freitas do Amaral, “o ‘perigo do PCP’ existiu em 1975, mas foi sobretudo devido aos fortes apoios recebidos do bloco soviético” não sendo por isso legítimo “excluir quem quer que seja do acesso ao Governo ou a uma maioria parlamentar de apoio”.

“O PR não tem qualquer base constitucional para por condições ideológicas, políticas ou programáticas a um partido político que lhe apresente uma proposta de governo com apoio parlamentar maioritário”, acrescenta.

O cofundador do CDS e antigo ministro de Sócrates declarou, também num artigo de opinião publicado na “Visão” em setembro, que iria votar em António Costa.