Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Comunistas convocam Comité Central para domingo

  • 333

O orgão máximo do PCP entre congressos vai reunir-se no próximo domingo à tarde, apurou o Expresso. Os comunistas mantêm silêncio absoluto sobre as negociações para a viabilização de um Governo de esquerda. “Os trabalhos continuam a decorrer”, diz apenas fonte oficial

O Comité Central do PCP vai reunir-se no próximo domingo à tarde para discutir a possibilidade de viabilizar um acordo com o PS para um Governo de esquerda. Segundo apurou o Expresso o encontro do orgão máximo do partido deverá ocorrer antes mesmo da reunião da comissão política do PS, marcada para as 21 e 30 do mesmo dia. Amanhã, os socialistas reuném a comissão nacional, com o mesmo tema na agenda.

As próximas 48 horas mostram-se, assim, decisivas para um acordo à esquerda. O Bloco foi o primeiro a assumir que tinha fechado um entendimento com os socialistas. Uma curta nota, colocada no site do BE perto da meia-noite, dava conta dos resultados da comissão política do partido, que "aprovou o documento de trabalho resultante das negociações do Bloco com o Partido Socialista". A direcção bloquista congratulava-se mesmo "com este resultado" e dava como "concluídas" as negociações. "Estão reunidas as condições para um acordo à esquerda pela proteção do emprego, dos salários e das pensões", dizia o texto.

O comité central do PCP não reúne desde o passado dia 6 de outubro, altura em que os comunistas analisaram os resultados das legislativas e anunciaram que iriam apresentar uma moção de rejeição a um eventual Governo da coligação PSD/CDS. Na altura, o PCP abria a possibilidade de uma aliança com os socialistas, mas mantinha algumas reservas. "O PS só não forma governo porque não quer. Nada o impediria de se apresentar disponível para formar governo se a sua vontade fosse a ruptura com a política de direita. É essa ausência de vontade política que o PS não pode disfarçar", afirma o comunicado final do encontro.

O PCP reafirmava, porém, que "não faltará a qualquer solução ou política que inscrevam como objectivos, elementos estruturantes de uma política patriótica e de esquerda".