Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Acordo à esquerda. Junqueiro lamenta falta de debate no PS

  • 333

Ana Baião

O acordo alcançado à esquerda não foi “minimamente discutido” no PS afirma o ex-deputado José Junqueiro que este sábado estará presente no encontro de militantes socialistas com Francisco Assis

O acordo de incidência parlamentar entre PS, PCP e Bloco de Esquerda não foi “minimamente discutido” entre os socialistas, afirmou esta terça-feira ao jornal “I” o ex-deputado José Junqueiro.

“Isto não foi minimamente discutido no partido, porque só há um órgão que tinha capacidade para fazer um grande debate sobre esta matéria, que era a Comissão Nacional [órgão máximo entre congressos]”, argumenta o vice-presidente da bancada parlamentar do PS com António José Seguro que ficou fora das listas de deputados nas últimas legislativas.

“Ninguém sabe nada do acordo. As únicas coisas que sabemos é pela Catarina Martins e pelo Jerónimo de Sousa. A Catarina Martins já pode dizer que conseguiu descongelar as pensões, não foi António Costa. Ela é a pivô deste processo”, insiste Junqueiro.

José Junqueiro, que estará presente no encontro de militantes socialistas marcado para o próximo sábado por Francisco Assis disse que a ideia deste almoço, algures na Mealhada, é “refletir sobre o momento atual” e lembrar que há no PS quem defenda “outro caminho”.

“Vamos partilhar uma preocupação. Dar uma nota ao país e ao PS de que há gente que pensa de maneira diferente e fazer com que o secretário-geral ouça isto”, disse Junqueiro ao “I”.