Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Depois de Ferro, Costa também fala para Cavaco: “Todos os grupos parlamentares têm a mesma dignidade”

  • 333

Marcos Borga

Líder socialista manifestou “orgulho” e “satisfação” pelo facto de Ferro Rodrigues ter sido eleito presidente da Assembleia da República na primeira volta. E deixou recados a Cavaco, que fechou a porta a um governo que dependa do PCP e do Bloco

António Costa disse esta sexta-feira que a eleição de Ferro Rodrigues como presidente da Assembleia da República assinala o início de uma mudança no cenário político. E depois de Ferro ter dito que “não há coligações aceitáveis e outras puníveis”, Costa também teceu críticas à comunicação de Cavaco Silva ao país.

“Todos os deputados e grupos parlamentares têm a mesma dignidade”, disse António Costa. E subblinhou que a eleição de Ferro é o início de um tempo novo. “A Assembleia da República expressou de modo inequívoco a maioria da vontade dos portugueses - que a XIII legislatura seja marcada desde o início pela mudança, por um novo estágio da nossa democracia”, declarou o líder do PS durante a sua intervenção no parlamento.

Costa manifestou “orgulho” e “satisfação” pelo facto de Ferro Rodrigues ter sido eleito presidente da casa da democracia na primeira volta, desejando as “maiores felicidades” no seu novo cargo. Sobre o novo presidente da Assembleia da República, elogiou ainda o seu “combate político” enquanto membro de um movimento estudantil, como deputado, dirigente socialista e membro de Governo.

Dirigiu também umas palavras ao próprio partido, defendendo ser positivo o facto de o voto do presidente da AR ser secreto, garantindo que no PS se cultiva a independência. “Prezamos muito a nossa liberdade, não é manipulável.”