Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Costa: reunião com o BE foi “muito interessante”

  • 333

Nuno Botelho

Líder do PS saiu satisfeito da reunião de duas horas com o BE: “Foi uma reunião muito interessante onde identificámos de modo positivo um conjunto de matérias passíveis de convergência”, disse António Costa

Cristina Figueiredo

Cristina Figueiredo

Jornalista da secção Política

O PS saiu otimista da reunião de cerca de duas horas com o BE. Em declarações aos jornalistas, António Costa afirmou ter sido "uma reunião muito interessante, onde identificámos de modo positivo um conjunto de matérias passíveis de convergência".

"É prematuro dizer que esse acordo é possível, é seguro dizer que há condições para o acordo ser possível", disse o secretário-geral, que adiantou ainda que, à semelhança com o que sucedeu com o PCP, haverá agora um "trabalho técnico" entre os dois partidos no sentido de concretizar um entendimento que se pretende "sólido e credível".

A ideia é conseguir "uma solução para um Governo estável que corresponda à vontade popular para que haja uma alternativa de política no cumprimento escrupuloso do quadro constitucional", disse ainda António Costa. Lembrando que há três condições que o BE já elencou (durante a campanha eleitoral) para negociar com o PS - a saber, que o PS abandone a ideia da poupança dos 1660 milhões de euros nas pensões, o corte na TSU e o regime conciliatório nos casos de despedimento -, o líder socialista admite que "há mais". Mas recusou-se a adiantar quais: "Não creio que seja útil esmiuçar".