Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Debate televisivo entre Passos e Costa com audiência histórica de 3,4 milhões

  • 333

Luís Barra

Frente a frente emitido na SIC, RTP, TVI e canais de informação no cabo bate recorde de audiências em debates desde que há medição na televisão portuguesa. Máximo anterior tinha sido alcançado no debate entre Passos e Sócrates. SIC foi a mais sintonizada das três e “Mar Salgado” bateu o debate na análise individual da programação

O frente a frente de quarta-feira entre Passos Coelho e António Costa estabeleceu um novo recorde de audiências em debates políticos na televisão portuguesa: segundo os dados da GfK, a emissão simultânea na RTP1, SIC, TVI e canais cabo gerou uma audiência média conjunta na ordem dos 3,4 milhões de telespectadores.

Os dados de audiência revelam que a SIC e a TVI foram os canais mais sintonizados pelos portugueses para acompanhar a emissão, com ligeira vantagem para a estação de Carnaxide: uma audiência média de 1,240 milhões de telespetadores, contra 1,237 milhões na TVI. As duas estações tiveram um share de 24,8%. Na RTP1, o debate foi acompanhado por 822 mil pessoas, para um share de audiência de 16,4%. O share acumulado dos três canais indica que durante a emissão do debate praticamente dois terços dos portugueses que viam televisão (66%) estavam a acompanhar o frente a frente entre Costa e Passos.

Na análise individual à programação dos três canais, verifica-se, no entanto, que os episódios das novelas Mar Salgado (SIC), Coração d'Ouro (SIC) e A Única Mulher (TVI) bateram as audiências geradas em cada canal pela emissão do debate. O programa mais visto do dia foi um episódio de Mar Salgado, com uma audiência de 1,536 milhões de telespetcadores.

Somados aos valores de audiência gerados pelo debate na RTP1, SIC e TVI, a audiência média dos canais de de informação no cabo que também emitiram o frente a frente em simultâneo com os canais de sinal aberto, a audiência média total do debate entre Passsos e Costa ultrapassa a fasquia dos 3,4 milhões de telespetadores.

O anterior máximo de audiência em debates políticos em Portugal (desde que há medição de audiências no país) tinha sido estabelecido em 2011, no debate entre Passos e José Sócrates, emitido em direto apenas na RTP1. O frente a frente de então tinha sido acompanhado por 1,585 milhões de telespectadores. Na posição seguinte do pódio de debates mais vistos em Portugal surge o frente a frente de 2005 entre Sócrates e Santana Lopes, então visto por uma audiência média de 1,518 milhões de telespectadores na SIC.

Apesar de ter pulverizado o anterior recorde de audiências em debates políticos, a soma do universo de telespetadores no frente a frente de quarta-feira emitido na RTP1, SIC e TVI não permite ao debate entre Passos e Costa entrar sequer no top 10 de programas mais vistos de sempre na televisão portuguesa.

Este ranking continua a ser liderado por um episódio da novela Pedra Sobre Pedra, emitido a 15 de março de 1993 na RTP1 e que gerou uma audiência média de 4,605 milhões de telespetadores. No segundo lugar está outra novela da RTP, Felicidade, também emitida em 1993, com uma audiência de 3,850 milhões. Em terceiro lugar está o Portugal-Holanda da meia-final do Euro 2004, seguido na RTP1 por 3,871 milhões de telespetadores.