Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Ferreira Leite: só se for “masoquista” é que Portugal não tentará reestruturar a dívida

  • 333

Ex-líder do PSD continua convicta de que a Grécia não irá sair do euro e considera que deixar de ser tabu falar-se na hipótese da reestruturação da dívida grega foi uma das únicas mudanças positivas

Manuela Ferreira Leite diz que a falta de capacidade da Grécia em pagar a sua dívida não será muito diferente da situação de outros países, nomeadamente Portugal, acrescentando que "só se esses países forem masoquistas" não irão também tentar obter a reestruturação da sua dívida.

Falando esta quinta-feira à noite na TVI24, a ex-líder do PSD considerou que uma das únicas mudanças positivas, em relação à atual situação da Grécia, é ter deixado de ser tabu falar-se em reestruturação sem que tal provoque um descalabro nos mercados, como se pôde ver com as recentes declarações nesse sentido por parte dos responsáveis do Fundo Monetário Internacional e do Banco Central Europeu.

A antiga ministra das Finanças não tem dúvidas de que o novo acordo para um terceiro resgate económico à Grécia levará a um agravamento ainda maior da sua situação mas, apesar disso, continua convicta de que o país não sairá do euro, pois isso teria “consequências gravíssimas e desconhecidas para a Europa”.

Em relação à suposta proteção de Portugal, face a uma situação de grande turbulência nos mercados, a economista referiu que essa proteção seria de apenas alguns meses, pois temos “os cofres cheios de dinheiros dos empréstimos”, acrescentando: “Evidentemente que não estamos protegidos de nada, porque estamos apenas a ser protegidos pelo ambiente europeu”.