Siga-nos

Perfil

Expresso

Política

Os elogios búlgaros: Portugal foi “um bom aluno” e apresentou “política responsável”

  • 333

TIAGO PETINGA / Lusa

Presidente da República, que está na Bulgária desde domingo à noite, ouviu elogios ao seu desempenho enquanto primeiro-ministro (1985 / 95) e escutou referências elogiosas ao comportamento de Portugal no programa da troika

Luísa Meireles

Luísa Meireles

Redatora Principal

Cavaco Silva está de visita à Bulgária e, logo na primeira manhã, ouviu dois elogios de Rosen Plevneliev, o seu homólogo. Que Portugal foi o "bom aluno, que realizou uma política de modernização do país pela mão do então primeiro-ministro", ou seja, o próprio Cavaco Silva, e que, além do mais, o país se tornou um exemplo válido de "política de sucesso", ao conseguir sair com êxito do seu programa de ajustamento.

Plevneliev, que é membro do partido de centro-direita GERB (Cidadãos pelo Desenvolvimento Europeu da Bulgária), considerou que "a política responsável" de Portugal relativamente ao programa da troika mostra que os objetivos podem ser alcançados "quando há uma forte vontade política". 

O Presidente búlgaro deu igualmente outra boa notícia a Cavaco Silva: a adesão da Bulgária ao Centro Norte-Sul do Conselho da Europa, com sede em Lisboa desde há 25 anos.

Segundo Plevneliev, o Centro, que hoje acolhe pouco menos que 20 membros, "exerce uma função primordial no diálogo entre os países europeus". Nos últimos tempos, o Centro tem tentado ganhar a atenção política dos Estados, captando novos membros.

Esse diálogo, disse ainda o Presidente búlgaro (no que foi acompanhado por Cavaco Silva), passa hoje em dia pelo tema das migrações e o drama do Mediterrâneo.