Siga-nos

Perfil

Expresso

Salário mínimo

Oiçam esta história. O escritor colombiano Andrés Felipe Solano aceitou o desafio da “SoHo”, a revista onde trabalhava, para uma missão que lhe pareceu meio louca: colocar-se na pele de quem tem de viver com o salário mínimo. Nessa altura ele era um dos editores da revista, vivia em Bogotá, tinha 30 anos, partilhava um apartamento com a irmã para aligeirar as despesas, mas não tinha de pensar duas vezes quando lhe apetecia apanhar um táxi ou comer fora ou comprar um livro. A proposta é que se fosse instalar seis meses na segunda cidade do país, a bela e desesperada Medellín, mantendo-se unicamente com o salário da empresa têxtil onde trabalharia, sem poder acorrer a qualquer outro recurso. Além disso, nenhum dos seus companheiros de fábrica poderia desconfiar que se tratava de um “infiltrado” e não de um operário como eles. Tinha, por isso, de tornar a nova existência o mais verosímil possível.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)