Siga-nos

Perfil

Expresso

Ricardo Costa

Ricardo Costa

Ricardo Costa

Diretor de Informação da SIC

Maior que a vida

Mário Soares é a maior figura portuguesa do último quartel do século XX e a que melhor encarnou e percebeu a segunda metade do século, nos seus avanços e contradições, conquistas e problemas, progressos imparáveis e crises inevitáveis. Herdeiro dos ideais originais da República, fez frente ao Estado Novo, esteve preso e exilado, liderou a complexa transição democrática, assinou o abrupto fim de um império, virou o país para a Europa, normalizou o sistema político e foi o primeiro Presidente da República civil. Fez muita coisa antes, durante e depois deste percurso que simplifiquei em poucas palavras, mas que se resume num substantivo pomposo e em desuso — estadista. Um substantivo destes não chega sozinho, vem com muitas outras coisas: Soares foi excessivo e grandioso, repentino e azedo, espetacular e emocionante, brusco e irascível. Foi aquilo a que os ingleses chamam bigger than life, , alguém maior do que a vida, coisa que os mais novos podem não perceber, muitos contemporâneos nunca aceitarão, mas a maioria compreende e a História deixará fixado sem grandes margens para dúvidas.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)