Siga-nos

Perfil

Expresso

Das fraquezas forças

O cristianismo chegou ao Japão com São Francisco Xavier, que ficou atónito com a devoção dos convertidos. Tolerados pelos senhores feudais japoneses, os jesuítas portugueses e espanhóis dedicaram-se a uma missionação intensa, e baptizaram centenas de milhares de pessoas. Mas a crescente centralização do Estado e a desconfiança face ao imperialismo comercial e cultural dos ocidentais alterou completamente os dados. O cristianismo foi banido. E, em 1640, o Japão fechou-se ao mundo, mantendo-se assim durante mais de dois séculos.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)