Siga-nos

Perfil

Expresso

Os senhores Jones

Compreendo que uma canção é uma canção: tem texto mas também tem música, instrumentos, voz. E compreendo que isso a distingue da literatura. É, digamos, um argumento purista, mas convincente. Teria todo o respeito pelos que contestam o Nobel da Literatura de 2016 se se tivessem ficado por essa objecção. Infelizmente, não foi isso que aconteceu. Debaixo de trezentos calhaus apareceram trezentos reaccionários culturais, de esquerda e de direita, agarrados a ideias débeis e caducas.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)