Siga-nos

Perfil

Expresso

O que há num número?

Há um ano, Portugal teria de alcançar uma síntese improvável: cumprir as metas europeias e conciliar uma governação moderada com a agenda, dita radical, dos parceiros do Governo. Um ano passado, as metas do défice foram superadas, a economia cresce para lá de todas as expectativas e há até quem defenda que o risco para 2017 é termos um défice perto de zero.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)