Siga-nos

Perfil

Expresso

Véu da ignorância

  • 333

A forma como o novo imposto sobre o património irrompeu pelo debate público é um manual de descoordenação e reflete a difícil triangulação entre PS e BE e, em particular, entre BE e PCP. Após anos de brutais aumentos da carga fiscal, é errado iniciar um debate orçamental com mais um agravamento de impostos, tanto mais que é reconhecido, até pela Comissão Europeia, que o nível global da fiscalidade se reduz em 2017. Da mesma forma que é pouco avisado responder ao ressentimento da anterior maioria contra pensionistas e funcionários públicos com uma nova luta de classes, agora contra os ricos.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)