Siga-nos

Perfil

Expresso

A morte do centro

  • 333

Anda por aí um justo clamor pela morte do centro. É uma evidência que, nos últimos anos, as clivagens políticas e sociais se agudizaram e que o espaço da moderação foi ficando mais rarefeito. O PSD radicalizou-se e assumiu uma agenda neoliberal e, entretanto, o PS governa com um apoio inédito à esquerda. Mas talvez nunca seja demais recordar que a construção do centro resulta de um movimento político, com alicerces materiais, que, ao criar as classes médias, tornou as democracias liberais mais robustas.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI