Siga-nos

Perfil

Expresso

A campanha de um homem só

  • 333

Marcelo Rebelo de Sousa é uma personagem. Nisso diferencia-se de todos os outros candidatos presidenciais e, até, de quase todos os outros políticos com um percurso relevante no pós-25 de Abril. A sua afabilidade, excentricidade e inteligência singulares colocam-no numa categoria à parte: Marcelo é Marcelo e não apenas alguém que representa obedientemente um espaço político confinado. É, também, essa a sua vantagem. É difícil não gostar de Marcelo, não ter simpatia pelo comentador popular e que gera empatia com quem fala. Mas aqui começam os problemas para o candidato presidencial.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI