Siga-nos

Perfil

Expresso

Pequenas, porventura grandes coisas

A boa notícia: a dívida pública desceu para 126% do PIB. A notícia real: em montante, a dívida não desceu, subiu. Basta que o PIB desça e ela sobe em percentagem; basta que o BCE deixe por completo de comprar dívida pública portuguesa e os juros voltam a subir e o seu custo volta a disparar: com os juros ao nível de 2008 e o actual montante de dívida, este ano os juros custar-nos-iam mais 3000 milhões. No lugar de António Costa, eu não estaria aliviado, estaria alerta.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso, pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)