Siga-nos

Perfil

Expresso

A época das paixões

No centro dos debates políticos nas democracias liberais tem estado a ideia de que os factos, a verdade e a razão desempenham um papel importante na avaliação que os eleitores fazem dos seus interesses privados e coletivos. Nos EUA, esse grande arsenal da democracia, tem vindo a acontecer o oposto. Na próxima terça-feira terá lugar a eleição mais visceral das últimas décadas. No final de seiscentos dias de campanha eleitoral só podemos dizer que as emoções derrotaram claramente os factos. Em 2016, os EUA inauguraram uma nova época política — a das paixões. Porquê?

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)