Siga-nos

Perfil

Expresso

O deleite 
de Hitchcock

Somos todos Cary Grant. Já vamos a meio do filme e ainda não sabemos em que história estamos enfiados. Nem sequer que personagem andamos a representar. Foi o que, para deleite de Hitchcock, Cary Grant lhe disse, já as filmagens de “North by Northwest” iam a mais de meio. A cara de Hitchcock abriu-se no doce sorriso de quem mete o dente a uma rabanada no Natal. O filme, a que chamámos e bem “Intriga Internacional”, era mesmo sobre essa confusão. Que o actor Cary Grant estivesse completamente perdido só acrescentava autenticidade a uma intriga que faz, nesse filme de 1959, inveja à pós-verdade que nos arrastará por maus caminhos em 2017.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)