Siga-nos

Perfil

Expresso

Nem tanto ao mar nem tanto à terra

Na segunda-feira desta semana o empresário português António entregou o seu projeto de investimento estrangeiro em Luanda dizendo ao funcionário: “O capital é 100% meu, que já não é preciso sócio angolano.” Aquele respondeu-lhe: “Ah sim, sabe mais do que eu!” Na terça-feira foi a vez do empresário francês Antoine fazer o mesmo e ouvir a mesma resposta. E na quarta-feira aconteceu com o empresário inglês Anthony, e quinta-feira, à hora em que escrevo esta crónica, o empresário russo Ahtoh confirmou tudo isto. Mas, afinal, o que se passou?

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso, pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido).