Siga-nos

Perfil

Expresso

Pole position e produtos da saudade

  • 333

Na altura da independência das ex-colónias portuguesas em África, a classe empresarial portuguesa perdeu aqueles mercados protegidos e teve de se fazer à estrada. No continente africano, tal traduziu-se em agarrar-se à língua e aos produtos saudade (entendidos aqui pela inércia negocial).

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)