Siga-nos

Perfil

Expresso

Kuznets, o amigo de África... toda?

  • 333

O recente estudo ‘The Africa 2015 Wealth Report’ mostra que o crescimento mais rápido da riqueza individual a nível mundial (pessoas com ativos líquidos superiores a um milhão de dólares) localizou-se em África no período de 2000-2014. Em síntese, existem 161.000 cidadãos africanos naquela situação a que corresponde uma riqueza acumulada de 660 mil milhões de dólares; naquele período o crescimento de milionários foi de 145% o que compara com a média mundial de 73%; a África do Sul lidera o ranking em termos absolutos e ficando o Egito na segunda posição, mas em termos de taxa de crescimento destas afortunadas pessoas, Angola ficou em 1º lugar com uma variação de 482%.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI