Siga-nos

Perfil

Expresso

A “insustentável leveza” de António Mexia

O que mais impressiona na conferência de imprensa que António Mexia deu na passada terça-feira foi a leveza e a informalidade em que aquilo decorreu. Perante uma investigação do Ministério Público em que ele próprio está constituído arguido por suspeita de “corrupção, ativa e passiva, e de participação em negócio”, o assunto foi desvalorizado. Ele pode estar de “consciência tranquila”, e é bom que esteja, mas que o assunto é grave e não pode ser tratado com um sorriso nos lábios isso não pode.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)