Siga-nos

Perfil

Expresso

Farmácias

  • 333

A economia portuguesa mudou bastante no últimos anos, e se há sector em que a mudança se notou, esse é o sector das farmácias. Para efeitos práticos, a mudança mais importante foi a queda nos preços pagos pelo Estado (o principal "cliente"), o que por sua vez levou a uma quebra nas margens encaixadas pelas farmácias. Embora o número de farmácias não tenha diminuído, muitas farmácias encontram-se em dificuldades financeiras; e não é evidente que venham a sobreviver, especialmente as farmácias independentes pequenas.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI