Siga-nos

Perfil

Expresso

“Estranha” exposição

Terminada a retrospetiva de David Hockney — o maior êxito de sempre na história das Tates, com meio milhão de visitantes — a Tate Britain tem agora em cena outra mostra indispensável, cobrindo um século de arte britânica. De facto, foi em 1861 que foi abolida a pena de morte para as práticas sexuais entre homens (entre mulheres nunca fora crime). A descriminalização parcial (em Inglaterra e no País de Gales), desde que os atos fossem praticados consensualmente entre adultos e em privado, só aconteceu em 1967, há precisamente cinquenta anos. “Queer British Art” celebra a efeméride.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)