Siga-nos

Perfil

Expresso

A semana

A semana, por Bárbara Simões

Bárbara Simões (www.expresso.pt)

Submarinos Andaram afastados das manchetes e das aberturas dos noticiários, mas pelos vistos foi apenas para preparar um regresso em grande. Investigações da "Der Spiegel" adensaram as dúvidas quanto à legalidade do negócio e já não se fala de outra coisa. Empresas-fantasma, 'luvas' e milhões, muitos milhões. Jurgen Adolff, cônsul honorário de Portugal em Munique, foi suspenso de funções.

Protestos na Saúde Utentes do Centro de Saúde de Valença, inconformados com o fecho do SAP, queixaram-se em marcha lenta. Descontentes com os vencimentos à entrada na carreira, os enfermeiros pararam por quatro dias.

Falência O Banco de Portugal deu início ao processo de insolvência do BPP. É notícia, mas não é surpresa.

Debate Coube a Agostinho Branquinho, vice-presidente da bancada do PSD, enfrentar José Sócrates no primeiro debate quinzenal depois da eleição de Pedro Passos Coelho.

Cristiano Ronaldo O avançado do Real Madrid tem uma nova arma secreta: um protector bucal que ajuda a potenciar a força dos remates. A boa notícia é que custa uns singelos €100, caso haja interessados em experimentar. Tiger Woods também usa e parece que resulta nas tacadas.

A alegria da colisão ORIGEM DO UNIVERSO. Houve gritos, aplausos, brindes - tudo aquilo a que obriga a celebração dos grandes momentos. Reparado e calibrado, o maior acelerador de partículas do mundo desta vez não falhou: na terça-feira, em Genebra, os feixes de partículas colidiram a uma energia recorde, dando início àquilo que alguns cientistas não hesitaram em classificar como uma nova era na ciência. O LHC recria as condições do universo nas primeiras fracções de segundo a seguir ao 'Big Bang'. Os resultados vão demorar. Continuaremos sem saber para onde caminha o mundo, mas pelo menos ficaremos a conhecer melhor a matéria de que é feito.

Previsões desanimadoras O Banco de Portugal reviu em baixa as previsões para este ano. Apontam para um crescimento de 0,4% do PIB e ficam aquém do valor inscrito pelo Governo no PEC (0,7%). No debate quinzenal no Parlamento, o primeiro-ministro desvalorizou: "Previsões do Banco de Portugal são apenas previsões", disse. É verdade. Pena é que não vão noutra direcção e nos deixem ainda mais desanimados, a ouvir vezes sem conta expressões como rendimento das famílias em queda ou abrandamento do consumo privado.

Jogo, mas de palavras Apesar de não haver jogo, a noite de terça-feira foi de futebol. Pinto da Costa e Luís Filipe Vieira, entrevistados à mesma hora nas televisões, transferiram as rivalidades para uma guerra de audiências. E nesta, ao contrário do que está a acontecer no campeonato,

o Porto arrasou. Uma outra grande diferença em relação aos jogos disputados no campo é que, tanto quanto se sabe, quando o confronto é apenas nos ecrãs, pelo menos não há feridos nem apedrejamentos. O que já não é nada mau.

Novidades na Educação As escolas vão poder transformar em semestrais disciplinas como História ou Ciências, até agora anuais, no 3º ciclo do ensino básico. As associações de professores de algumas áreas já manifestaram reservas. Há mais alterações ao currículo em estudo. Já a revisão do Estatuto do Aluno prevê que os processos disciplinares aos estudantes sejam mais rápidos; o Ministério da Educação anunciou ainda que vai propor a criação do crime de violência escolar.

+ Douro A região registou, nos fins-de-semana de 2009, uma taxa de ocupação de camas de 51,5% (4,1% acima da nacional). "Há mais gente a circular no Douro", constata o presidente do turismo local. - Loret de Mar Regressam as férias da Páscoa e a estância catalã volta a ser notícia por más razões. Um aluno português morreu quando caiu da varanda do hotel onde estava instalado na viagem de finalistas

Texto publicado na edição do Expresso de 2 de Abril de 2010