Siga-nos

Perfil

Expresso

João Vieira Pereira

João Vieira Pereira

É a liberdade, António Costa

  • 333

No sábado, dia 25 de abril, às 23h58, recebi o seguinte SMS de António Costa:

"Senhor João Vieira Pereira. Saberá que, em tempos, o jornalismo foi uma profissão de gente séria, informada, que informava, culta, que comentava. Hoje, a coberto da confusão entre liberdade de opinar e a imunidade de insultar, essa profissão respeitável é degradada por desqualificados, incapazes de terem uma opinião e discutirem as dos outros, que têm de recorrer ao insulto reles e cobarde para preencher as colunas que lhes estão reservadas. Quem se julga para se arrogar a legitimidade de julgar o carácter de quem nem conhece? Como não vale a pena processá-lo, envio-lhe este SMS para que não tenha a ilusão que lhe admito julgamentos de carácter, nem tenha dúvidas sobre o que penso a seu respeito. António Costa" 

Confesso que a primeira reação foi a de pensar que era um engano. 

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI.