Siga-nos

Perfil

Expresso

Bento dixit

  • 333

Não se vende. Para já. Nem se sabe quando. Nem por quanto. Reza assim a história do Novo Banco. Uma história que era para ser curta e que arrisca ser longa. Tão longa quanto o necessário. O processo de venda já era. Recomeçar de novo não é só uma boa ideia. É a única que neste momento faz sentido.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI