Siga-nos

Perfil

Expresso

Umberto Eco (1932-2016)

  • 333

Umberto Eco, que morreu depois de luta contra cancro do pâncreas em casa, em Milão, fez ontem uma semana, sendo logo evocado e homenageado em jornais, televisões e redes sociais da Internet nas cinco partidas do mundo, foi um dos italianos mais conhecidos no seu país e no estrangeiro da segunda metade do século XX e dos primeiros 15 anos do século XXI, juntando-se a realizadores de cinema, actores, actrizes, outros escritores, políticos, jogadores de futebol, industriais, desenhadores de automóveis, criadores e criadoras de moda, matemáticos, físicos e pelo menos um Papa no firmamento de celebridades que conforta os italianos na convicção profunda da importância ímpar da Itália na história do mundo.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI