Siga-nos

Perfil

Expresso

Viver
 no mundo Uber

  • 333

Francisco Louçã, cuja inteligência tem de ser respeitada, sobretudo quando não se concorda com ele, fazia, há dias, num texto, a seguinte pergunta: “Quer mesmo viver numa Uberlândia?” A resposta é fácil, porque ninguém gosta da Uberlândia. Um sítio onde uns poucos lucram com comissões de muitos e no qual as atividades são, em grande parte, desreguladas, geridas através de plataformas móveis, sem um local preciso como sede. É estranho.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)