Siga-nos

Perfil

Expresso

Como apurar um chefe político

A política é uma indústria exigente. O que faz de um ser humano vulgar, com as emoções e qualidades e defeitos de um ser humano destinado a uma vida mediana, um político? E, por cima disto, um bom político? Não é certamente o amor da polis e da ágora, da discussão pública e serviço do bem comum da cidade e do estado. Como se apura, na idade da ansiedade e das redes mediáticas que não autorizam um falhanço, um político? E, por cima disso, um chefe? Os chefes das empresas gastam por ano milhares de euros no recrutamento e formação dos seus quadros. Contratam psicólogos, treinadores, peritos da decisão e da execução, conselheiros e demais profissionais do ofício de ensinar a mandar para aprenderem a mandar. A secção de recursos humanos, RH, esconde um mundo de avaliações e julgamentos, de decisões difíceis, de diferenciação entre quem sabe gerir uma crise e quem não sabe.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso, pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)