Siga-nos

Perfil

Expresso

Do soco, murro ou da bofetada

  • 333

Há alturas na vida em que a gente tem de se decidir. O soco ou a bofetada? Não é uma questão retórica. Ultimamente, nas poéticas páginas do Facebook, por onde perpassa com vigor o que resta do dilema hamletiano, oferecem-se bofetadas e socos. Deixemos de lado a sova, que não ultrapassa as fronteiras da bravata de leitaria, e dediquemo-nos às duas grandes formas de luta ofensiva ou defensiva, tipificada no código penal com os nomes parvos de ofensas corporais. Na verdade, o soco e a bofetada são quase sempre o resultado de ofensas, digamos, espirituais. São a reação corporal à ofensa e não a ofensa propriamente dita.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso)