Siga-nos

Perfil

Expresso

Agora, o problema já não é o orçamento

E de repente, o défice orçamental deste ano pode ser cumprido e o do próximo ano já não é propriamente um problema. De repente, a Comissão Europeia manda cartas a sete Estados-membros da União Europeia a pedir mais explicações sobre as suas propostas orçamentais para 2017, mas as duas mais suaves são para a Bélgica e Portugal, e o comissário europeu Pierre Moscovici diz que o orçamento português “parece cumprir os critérios”, tendo a Comissão Europeia solicitado apenas que o Governo especifique de forma mais precisa as medidas que tenciona tomar.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)