Siga-nos

Perfil

Expresso

Os paraísos dos filhos do Panamá

  • 333

Escreva-se o óbvio: num mundo ideal os paraísos fiscais não deviam existir. E não deviam porque servem, no mínimo, para a fuga e evasão fiscais e no máximo para guardar o dinheiro de esquemas fraudulentos ou de atividades criminosas. Para os que os utilizam, os paraísos fiscais têm uma vantagem incontornável: fazem muito poucas perguntas e fecham demasiado os olhos. Os paraísos fiscais são um mundo opaco, cujo objetivo é permitir que não seja conhecido o verdadeiro dono do dinheiro que lá está depositado. E pululam um pouco por todo o mundo.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI