Siga-nos

Perfil

Expresso

O que a Grécia nos ensina sobre a Europa

  • 333

Se houver referendo na Grécia este domingo (o que, no momento em que escrevo, não é certo), o “sim” vai provavelmente vencer. E se isso acontecer, a responsabilidade é em primeiro lugar do próprio primeiro-ministro helénico, que tinha tido até meados desta semana um comportamento coerente (mesmo que se discordasse dele). Mas ao enviar uma carta ao Eurogrupo, aceitando quase todas as exigências que estavam em cima da mesa, e ao dar a entender que poderia defender o “sim” ou mesmo suspender o referendo se o pacote fosse aprovado e o financiamento desbloqueado, Alexis Tsipras lançou a confusão entre os seus apoiantes e deu razão a frases como a de Christine Lagarde, dizendo que eram preciso “adultos na sala” para negociar. 

 

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI