Siga-nos

Perfil

Expresso

Lá vamos nós outra vez

De 2001 a 2015 Portugal só não esteve em situação de défice excessivo em dois anos”. A frase faz parte de um artigo imperdível do economista António Cabral publicado no “Público” de dia 16 de junho. Começo por aqui para lembrar que somos os campeões do défice. Sabemos gastar dinheiro como ninguém, de tal forma que conduzimos a nossa dívida para valores insuportáveis.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)