Siga-nos

Perfil

Expresso

O último suspiro 
da globalização

LONDRES — A eleição de Donald Trump para Presidente dos Estados Unidos significa que a globalização morreu, ou serão extremamente exagerados os relatos do desaparecimento deste processo? Se a globalização estiver apenas parcialmente incapacitada, e não em estado terminal, deveríamos preocupar-nos? Qual será o impacto, no futuro próximo, de um crescimento mais lento do comércio sobre a economia global?

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)