Siga-nos

Perfil

Expresso

Olde England

  • 333

Arthur Mee (1875-1943), jornalista, escritor e pedagogo inglês, foi o autor da obra em 42 volumes “The King’s England” — um guia exaustivo cobrindo 10.000 cidades e aldeias —, na qual criou o conceito de thankful villages: aqueles locais de onde todos os homens que partiram para combater na primeira Guerra Mundial regressaram sãos e salvos após o Armistício. Em “Let England Shake”, PJ Harvey já se havia debruçado sobre a selvagem carnificina, assassina de 16 milhões, e cujos incontáveis horrores Wilfred Owen, em “Dulce et Decorum est”, gravou com a cor do sangue.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)