Siga-nos

Perfil

Expresso

O estado da nação e o estado da ‘geringonça’

Algures em meados de agosto, a ‘geringonça’ faz mil dias de vida. A solução governativa nunca antes testada e que levou ao poder um PS derrotado nas eleições legislativas de 2015, depois de firmar acordos com BE e PCP, abriu um novo paradigma na política portuguesa. O que era tabu deixou de ser. E o que muitos vaticinavam ter vida curta está a um ano de completar quatro anos de legislatura, com vários abanões e solavancos mas sem nenhuma crise séria que mereça ficar registada nos livros de história.

Para a semana, e a encerrar a terceira das quatro sessões legislativas desta legislatura, os deputados terão o habitual debate do estado da nação. Estado mais rosa para os socialistas, assim-assim para as forças mais à esquerda, e bastante pior para as forças da oposição, PSD e CDS.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito para Assinantes ou basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso, pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido