Siga-nos

Perfil

Expresso

Sobre o défice

A análise que o Conselho de Finanças Públicas faz sobre o défice é clara. Sem medidas extraordinárias ficaria nos 2,5% do PIB, acima dos 2,2% orçamentados pelo Governo. Mas vai mais longe, se a este valor retirarmos o que Portugal pagou a menos de juros da dívida pública, fruto da descida das taxas, o défice só melhorou 0,3 pontos percentuais do PIB.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)