Siga-nos

Perfil

Expresso

O FB não me deixa deixares-me

Nada de relações tóxicas — avisam. E há que terminar assim que detetar que está numa. Libertar-se. Partir para outra. Há tratados escritos sobre esta toxicidade. Mesmo que a história passe por ter sido largado como um rafeiro na estrada antes do PAN existir. Não interessa. O futuro começa agora e outras frases inspiradoras desse tipo com smileys em gif. Mas não é bem assim. Há uns anos era como nos filmes: bastava ela atirar a roupa dele pela janela e finito. Agora, o desamigar no Facebook é o primeiro passo de um longo processo. Que pode acabar mal.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)