Siga-nos

Perfil

Expresso

De Torremolinos a Lloret e Cancún

  • 333

O empregado de mesa, já a dar para o entrado, olhou para o magote de jovens papagueantes a descer a rua e deixou sair uma exclamação: “Isto está mesmo cheio de ‘spring breicas’ espanholas.” A expressão inglesada levou-me uns segundos a assimilar até perceber que se referia a spring break, o equivalente norte-americano às nossas férias de Páscoa com viagens de finalistas, num belo mix que hoje em termos globais tem uma certa aura de coma alcoólico, adolescentes inocentes que deixam de o ser, filmadas por abjetos empresários de porno especializado numa cultura aceite da violação intoxicada. Um pacote de que os Estados Unidos se dizem exportadores globais.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI