Siga-nos

Perfil

Expresso

Dois dedos de testa

Para a deputada Helena Roseta, “ninguém com dois dedos de testa vai pôr uma casa em arrendamento quando a pode pôr numa dessas plataformas que fazem alojamento local sem ter chatices nenhumas e com receita garantida. Isto está totalmente pervertido”. A frase é curiosa porque, de acordo com Helena Roseta, para o mercado não estar pervertido, a oferta de alojamento local deveria ser inferior à de arrendamento de longa duração, ao contrário do que se verifica hoje. Isto é, a oferta privada deveria dirigir-se para o arrendamento. Mas, se assim fosse, o mercado de alojamento de curta duração estaria exclusivamente nas mãos da hotelaria.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. pode usar a app do Expresso - iOS e android - para fotografar o código e o acesso será logo concedido)