Siga-nos

Perfil

Expresso

António Guerreiro

Vícios linguísticos

António Guerreiro (www.expresso.pt)

Como é que uma palavra, uma expressão, um vocabulário 'pegam' como um tique ou um hábito social e entram na engrenagem da repetição mimética? Nos últimos tempos, este mecanismo que funciona como uma câmara de ecos pôs em circulação a palavra 'narrativa' no comentário político, em frases do tipo: "Afinal, a narrativa da dívida é outra"; ou: "Não devemos acreditar na narrativa da superação do défice." Nas colunas de opinião de jornais, este uso da palavra 'narrativa' sofreu uma inflação e difundiu-se como acontece aos estereótipos.